sexta-feira, 23 de junho de 2017

A COLÔNIA DE FÉRIAS ESTÁ ACABANDO

Depois da visita ao Café Xácra, vamos despedir da roça com os netos. 
Essa fazenda fica dentro de Belisário. Os baixinhos logo gritaram: quantos cachorros! Isso são bezerros, caras pálidas.
Foram para um pasto próprio. Acho que nessa idade nem pastam. Eu também nada entendo de bezerros.
Recém nascidos.
Barulho de berros de vacas, transtornadas com o afastamento das crias.
Perguntei a Gui se ele sabia o que eram gêmeos. Claro, respondeu ele. São dois irmãos iguais. E agora? Esse bezerro marronzinho à esquerda é gêmeo com o preto e branco. Como explicar pro garoto gêmeos univitelinos e bivitelinos? Ela já anda pressionando a mãe para ela explicar como o médico põe o nenen dentro da barriga da mulher.
Tchau bezerros! Tchau Belisário!
Mirian está fechando as malas. Vamos pegá-la e arrumar as crianças.
Passa das dez e tomamos o caminho de Rosário da Limeira.
Segurança a gente tem por aqui. Tomara que eu tenha trazido os documentos do carro.
Tudo certo. Isso dá tranquilidade pra todos nós. Todos nós ficamos  com pena quando uma pessoa trabalhadora de bem tem problemas com documento. "dura lex sed lex “ ou: "a lei é dura, mas é a lei”.
Mas se a PM é atenciosa no cumprimento da lei, o DNIT, órgão federal, não é. Continua essa vergonha de interrupção em uma BR, já há décadas. Se fosse jurisdição do Ministério Público de Curitiba talvez já tivesse sido solucionado.
Geralmente opto por virar à esquerda aqui em Viçosa, passando por Lafaiete. Vou pela direita, para almoçar em Teixeiras, logo ali na frente.
A fotógrafa está preocupada em atender as crianças no carro. Com isso vamos deixando de registrar muitas coisas. Mas esse viaduto ferroviário da Vele deu pra pegar.
Essa parada é legal.
São dezenas de sabores muito diferentes. Mas o cara é chato e lá dentro é cheio de cartazes com "não, ", é proibido", banheiro fechado com chaves a serem pedidas no caixa, ... Não pode fotografar. Tem gente que trabalha com turismo não gosta de turista.  Estamos perto de Ouro Preto, região altamente turística.
E já estamos na BR 040, chegando em BH.
Com direito a tudo de bom que a cidade oferece, como um belo engarrafamento no Anel Rodoviário, em função de um acidente.
Na verdade só contornamos BH. Já estamos na região de Venda Nova.
Defronte à Cidade Administrativa, sede do Governo do estado.
E vamos entrar para a cidade de Lagoa Santa. Essa região tem alto valor no campo da paleontologia, sendo rica em grutas que guardaram muitos mistérios durante milhares de anos. Muitas foram as ossadas humanas descobertas por aqui, que inclusive desafiaram teorias sobre a ocupação humana na América. Os fósseis encontrados são mais antigos do que as datas estabelecidas por essas teorias e os traços humanos também são diferentes daqueles que supunham ser os primeiros humanos que aqui chagaram
A mais famosa das ossadas aqui encontradas foi a de uma mulher, que ganhou o apelido de Luzia, que é o mais antigo esqueleto humano já encontrado nas Américas. Ela viveu há 12 500 anos atrás, sendo uma legítima representante do Homem de Lagoa Santa.

Também nessa cidade está localizado o Parque de Material Aeronáutico de Lagoa Santa, responsável pela manutenção da frota da Força Aérea Brasileira. 
São muitos os condomínios residenciais aqui em Lagoa Santa. Eu deixava meu carro aqui, quando embarcava no Aeroporto de Confins, aqui pertinho, na casa de um amigo/irmão ferroviário. Dessa vez vou deixar aqui,  em casa de outro amigo.
Você já o conhece. É o belisariense Saulo, filho de Tio Ismael, que esteve de volta à sua terrinha semana passada. A sua esposa "De" nós não conhecíamos.

A molecada plantou terror na casa. Estavam cansados de tantas horas presos na cadeirinha do carro.
O Coronel Saulo virou garoto propaganda do Café Xacra.

Tá na matéria anterior.
Um belo lanche nos foi oferecido. Paulo Víctor é filho, estudante de Designer Gráfico. Sônia, na cabeceira, á amiga da família já há décadas.
Saulo nos deixou no Aeroporto.
O nosso vôo será ás 20:30 h. 
Menos de duas horas depois já estávamos no Aeroporto de Salvador. Helma, a outra avó dos meninos, veio nos buscar. Já roubou o nosso neto.
E Omar também veio.
Começamos o dia numa fazenda em Belisário e terminamos num aeroporto na Bahia. Por alguns dias esteremos mostrando essa terra abençoada por Deus e bonita por natureza.

Um comentário:

  1. Na maioria das vezes, os partos gemelares são um resultado imprevisto na reprodução de vacas leiteiras. Entretanto, os gêmeos são indesejáveis, pois eles reduzem a rentabilidade e a eficiência reprodutiva do rebanho - https://www.milkpoint.com.br/radar-tecnico/medicina-da-producao/o-alto-custo-dos-partos-gemelares-16638n.aspx



    Grelson F. Clemente


    A identificação de gestações gemelares em bovinos é feita esporadicamente durante exames de rotina, quando ocorrem ovulações duplas ou triplas (difícil acontecer) ou ainda nos casos de divisão embrionária espontânea (são os Gêmeos idênticos ou o mais idêntico possível) mais dificil ainda de acontecer - https://www.cptcursospresenciais.com.br/artigos/bovinos/reproducao-em-bovinos/gestacao-gemelar-em-bovinos/

    ResponderExcluir

Comente este post!