quarta-feira, 10 de maio de 2017

AS PLACAS DA RVP SÃO ENTREGUES COM A PRESENÇA DO COMANDANTE

Aconteceu na noite de quarta, no GAB. Na entrada uma espiadinha na exposição de pinturas de Mirtes, que ainda estão aqui em Beli.
Essa pintura de Beli antigo faz sucesso.
O Aspirante Weslley, coordenador do patrulhamento nos distritos de Muriaé, fez a abertura da reunião. Muitas pessoas justificaram a ausência, embora tenham aderido ao projeto.
Ele argumenta que segurança não pode ser vista apenas como coisa da polícia. Que uma Rede forte traz o sentimento de segurança e assim espera a adesão de mais pessoas. Também externa a sua satisfação pelos Feedbacks que vem recebendo, dando conta de que o ambiente em Belisário melhorou muito, com a redução de barulhos de motos sem silencioso e sons 
altos de veículos.
O Capitão Sandro Josefino da Silva, Comandante da 76ª Companhia  da Polícia Militar também presente, no lançamento do projeto.
Vamos dar uma olhada nos presentes, começando com Bentinho
E as placas foram entregues. Regina...
Dayse...
Amanda...
Dr. Vôlney...
O comerciante "Dé". Material de construção é o seu negócio.
Esse que vos fala.

Sandra Carolina tá dentro.

Mateus está dando muita força para o projeto. Recebe nomes, passa para o Aspirante, preenche fichas, recebe o dinheiro para o pagamento das placas...
Dete também aderiu.
Maria é outra representante do comércio, como proprietário de mercadinho.
Zé Calais é rural. Por isso a placa "propriedade".. 
Mais representação  do comércio, através de Lucas. Sua a Nnatayara Modas,  está bombando.
Vinicius aderiu logo no início.
O  Mercadinho do Paulino tá dentro.
Também o Mercado Pena & Silva, com Marcos.
Tá aí a família Pena & Silva.
Sidney tá dentro.
Marli Martins também.
Não sei se com essa camisa pode-se passar segurança, né Silvan? O Capitão também não gostou. Ele também atua na área de modas, através de sua loja.
José Antônio, diretor da Escola Estadual, também  presente.
Novamente o Aspirante Weslley se manifestou, agradecendo o apoio que vem recebendo aqui, principalmente por parte de Mateus Balbino. Lembrou que críticas que possam surgir aos integrantes da RVP não devem ser levadas em conta. Se os malfeitores se sentirem ameaçados, é sinal de que o projeto está dando certo. 
Na mesma linha o Capitão Sandro lembrou que o conceito de "rede" pode ser entendido como a rede que liga vários computadores a uma mesma impressora. Há racionalização de custos e o resultados é positivo. O projeto vem dando certo em outros lugares onde foi implantado. Ele cria o espírito de que todos ficam de olho na propriedade de todos.
Espera a adesão de mais pessoas, para que a RVP-Belisário se fortaleça ainda mais.
Lucas sugeriu essa foto oficial da RVP com os oficiais da PM.
Sempre gentil, Bentinho trouxe uma mandioca que ele colheu, para o Sargento Valdeci.
O GAB ofereceu um biscoitinho com refrigerante para os participantes e a reunião transcorreu em clima muito fraterno.
Pelo zap, durante a reunião, o Aspirante recebeu uma denúncia de atitudes indevidas que estavam sendo adotadas por morador do distrito e partiram para o local.
Os que aderiram ao programa nessa fase pagaram apenas 4,00 pelas placas, já que o CONSEP Muriaé doou 30 placas. Os próximos deverão pagar 17,50 por ela. Basta procurar Mateus, na Farmácia Balbino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente este post!