terça-feira, 17 de janeiro de 2017

ENTÃO VAMOS PRA UM CHURRASCO NA CACHOEIRA

Manhã de terça. Luisa e amigas vão preparando a área de trabalho delas.
Alice vai aos ares, com Vó Mirian.
Serviço completo e a nossa piscina olímpica está em condições de uso.
Mas isso foi só um esquenta. Por volta do meio dia #partiu Cachoeira do Nahor.

As duas boias de pneu de caminhão foram compradas pra chegada deles. Boas lembranças de minha infância descendo o Rio Paraíba do Sul, em Além Paraíba e Rio Itapemirim, em Cachoeiro de Itapemirim-ES. Eu nunca havia conseguido ter a minha própria boia. Tempos difíceis. Ana Carolina e Gabriele estão sempre com a neta Luisa, desde as suas primeiras vindas em Beli.
Alice equipada para uma praia com mar revolto.
De praia os baianinhos estão enjoados. Cachoeira é muita novidade.
Pro paulistinha também.
Pra quem vive no stress do trabalho, do trânsito, da violência urbana, isso não tem preço. 
Churrasco que agrada a todos, os carnívoros e os mais lights. Palmito e abobrinha de Beli, berinjela, cebola e pimentão. E carne e linguiça, é óbvio. 
Os que estão embarcados recebem a alimentação sem precisar vir em terra. 
Carinhas de cansados...
...ou de apagada mesmo.
Hora de partir.
André pegou essa cena.

Vocês vão cansar de ver essa molecada daqui por diante. Tem avós e tias na Bahia e outros parentes espalhados, até na Holanda, que querem curtir tudo o que acontecerá por aqui por esses dias.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente este post!