quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

COMO FOI A QUARTA POR AQUI

Pela manhã foi quintal mesmo. Piscina olímpica de 2 X 3, balanço...  À tarde dividimos o grupo. André a a patroa forma caminhar. Ele, que é é um bom fotógrafo, tirou essas.






                     
Mas nós tomamos outro rumo. Primeiro uma passada na fazenda Toko, aqui dentro de Beli, para ver vacas.
O leite já havia sido retirado. Estavam em processo de análise.
Preservamos a intimidade da vaca, em exame ginecológico.
E fomos na direção São Domingos. Primeiro na casa de Elson/Marli Clemente.
Tratar das galinhas e galinhas da angola toda criança gosta.
Marli nos ofereceu favos de mel. A produção caiu muito, pela falta de chuvas antes de novembro, comprometendo a florada. Esperam começar a recuperar brevemente.
O atleticano não queria parar de comer.
Atravessamos o Rio Fumaça.
Viemos ver os amigos Eloi/Dani Clemente. Ela não estava.
Ele é um grande produtor de peixes ornamentais. Faz entregas em várias regiões, inclusive no Sul de Minas.
É muito atencioso. Mostra os diversos tipos de peixes, e são muitos.
Tons diversos. Estes  azuis...
... dourados.
Ele me prometeu duas carpas para o meu lago. Vou levar.
É só colocar no saco.
Eloi é muito técnico. Tem laboratório com temperatura controlada.
Peixes muito diferentes.
De vez em quando cito aqui aquelas famílias que admiro, pela garra no trabalho. Elson e família é outro exemplo e Eloi/Dani também. Dani gosta de comercializar roupas e sandálias e também estão produzindo melado, rapadura de diversas receitas. Veja aí o engenho de cana, que é colhida aqui mesmo. Sobre isso, aprendi hoje que a cana plantada em local muito estercado não dá ponto para rapadura. Fica muito aguada.
Olha os tachos para a produção do melado!
Rapadura de pé de moleque, com amendoim. Tem até rótulo, com código de barras. 
Fico sem graça, mas experimento quando insistem.
Vamos levar.
E vamos soltar os peixes no lago. Os netos vão escolher seus nomes.
O fotógrafo André do outro lado.

E lá se vai mais um dia. 

6 comentários:

  1. Estou encantada com as fotos feita por André, parabéns o lugar é muito lindo.

    ResponderExcluir
  2. Que fofo... Meu sobrinho precisa tanto de uma vida assim... mas tá indo pra uma cidade ainda maior... Tá muito quente aí?
    Andréa Handrews

    ResponderExcluir
  3. Amei! Saudade de Beli e dos meus pequenos!

    ResponderExcluir
  4. Nesta matéria resta saber uma coisa : quem se diverte mais passando férias em Belisário? A Turminha de Pequerruchos ou os Adultos? Não há dúvida, creio, todo mundo aproveita esse "favo de mel"... Mesmo assim, acho que vovô e vovó se divertem mais. É possível, André?

    ResponderExcluir

  5. Os empreendimentos rurais em Belisário estão cada vez aproveitando melhor os dons da natureza. Parabéns ao apicultores ELSON e MARLI CLEMENTE e aos piscicultores ELOI E DANIELA CLEMENTE !

    ResponderExcluir

Comente este post!