quinta-feira, 27 de outubro de 2016

MANIFESTAÇÃO CONTRA A MINERAÇÃO EM BELISARIO

5 comentários:

  1. Lamento não poder estar presente nessa reunião do próximo dia 29/10. No entanto, tenho certeza de que meus sábios conterrâneos vão saber muito bem rechaçar essa invasão destruidora do nosso já fragilizado meio ambiente. Não se iludam com as FALSAS promessas de muitos empregos. No fim, vão contratar 2 vigias e dizer que nossa mão-de-obra não está devidamente qualificada para trabalhar na mineradora. Na reunião de sábado, eles vão dizer que vão movimentar o comércio de Belisário. Outras grande mentira. As grande demandas da empresa não podem ser atendidas pelo comércio local.

    ResponderExcluir
  2. Primeiro aprenda que ...

    Belisário se escreve com s e.... não com z, viu?

    ResponderExcluir
  3. E DEPOIS, EM VEZ DE EXPORTAR MINÉRIOS, VAMOS IMPORTAR METAIS OU ARTIGOS DE METAL FEITOS NA CHINA. NADA DE FERRAMENTAS PORQUE INDÚSTRIA ZERO.

    ResponderExcluir
  4. Continuando...
    Onde há mineração tem que haver barragens para contenção de rejeitos. E onde há barragens há riscos de acidentes. Aí mesmo em Miraí já houve rompimento de uma barragem que inundou casas no Bairro Dornelas. A compensação financeira proposta pela mineradora para as casas inundadas foi ridícula. Por ser um RECANTO APRAZÍVEL, Belisário tem um fortíssimo potencial para a indústria do turismo. E eu pergunto: - qual é o turista maluco que vai querer descansar num ambiente tumultuado, poluído, poeirento e repleto de caminhões pesados?

    ResponderExcluir
  5. Mineração de quê? Depende de que se tratas, local, extensão, condições do contrato, etc. Rejeitar assim, simplesmente acho burrice. É preciso conhecer o que minerar, termos e condições.
    Como ficará o terreno depois, quem lucrou, quanto lucrou, se valeu a pena, se o retirado não fará falta, etc. Muitas vezes até melhoram estradas para o transporte geral e não apenas para a produção. Há muito preconceito nisso, é preciso se precaver com grupos, ongs, igrejas etc. que fazem oposição a certos tipos de investimentos e empreendimentos. Tais grupos em geral são ricos e pregam para pobres porque é da boa fé deles é que enriquecem.

    ResponderExcluir

Comente este post!