quinta-feira, 5 de maio de 2016

QUE NOITE MEMORÁVEL

Estava tenso. O meu Galo teria de passar pelo Racing da Argentina, para ficar entre os quatro.
E quem conhece futebol sabe que Libertadores é Libertadores.
Mas a massa empurrou e o Galo chegou lá: venceu por  2 X 1, com direito a perder um pênalti.
Estamos entre os quatro melhores da América e vamos levantar a taça do Campeonato Mineiro no domingo.
Mas outras alegrias nos aguardavam: o Corinthians foi eliminado. 
E o Flamengo foi derrotado pelo Fortaleza, pela Copa do Brasil.
E ao acordar a alegria aumenta: Cunha é afastado pelo Ministro Teori Zavascki.
E o Procurador Geral da República, Rodrigo Janot, pede para você esperar. Os afastamentos vão continuar.

Vamos cantar com Elis:

Cai, o Rei de espadas
Cai, o Rei de ouros
Cai, o Rei de paus
Cai, não fica nada!!


VIVA MORO! VIVA JANOT! VIVA O STF! VIVA A REPÚBLICA!

GALOOOOOOOOOOO !

quarta-feira, 4 de maio de 2016

NÃO SE PODE PERDER O RITMO

Na segunda Beto/Mariza, Héber/Dina retornaram para JF. Mostramos isso. Mas na terça recompusemos, em parte, o grupo. Além de Shoji e Solange, agora cidadãos de Beli, recebemos de Muriaé os primos Renato...
...  e sua irmã Consolação, que mora em Teófilo Otoni.
Momentos de lembranças entre Mirian e ela, que juntas conviveram numa década pretérita, em Muriaé, na infância de ambas. Não cabe aqui precisar datas. Elas são "Sigiliano".
.
Marcamos um café da manhã para o reencontro das amiguinhas. Não conseguimos imaginar nenhum tipo de confraternização que não seja ao redor de uma mesa com comida.
E lá fora tínhamos mais companhia nessa partilha.
A companhia de rolinhas e canarinhos dá leveza no início de um dia.
Uma semana muito bem começada.

A COMUNIDADE SANTA LÚCIA CONVIDA

segunda-feira, 2 de maio de 2016

DIÁRIO DAS VISITAS - DOMINGO

Voltamos ao pomar dos amigos Ciro e Deja. Lembra que estivemos aqui outro dia e ainda deixamos muitas frutas? Viemos renovar o nosso estoque.
Dina nunca viu tanta fartura.
Eles só veem tanta mexerica na banca do Bahamas, lá em JF.
O galho ficou tão carregado que caiu no chão.
Ciro deu uma melhorada no joelho. Já está sem a muleta.
Combinamos com ele de somente carregar 3 sacolas e procuramos cumprir.
E a noite caiu. Héber tomou providências.
E se juntou a essa equipe para elevar o nível da noite.
Mas alguns não gostam muito de trabalho.
A sala já está climatizada.
Últimos retoques.
Você e esses vinhos já foram apresentados.
Um traz uma coisa e o outra traz uma outra... e temos esse belo Vinhos & Queijos.
Olha como estão chiques!
Queijos maravilhosos. Alguns de Cruzília.
São mais de 30 anos de relacionamento entre essa turma. Muitas histórias vividas juntos.
Isso merece brindes e um desejo comum : salute!
Dina e Héber trouxeram o material e prepararam esse fondue. Até o pão italiano veio de JF.
Enquanto isso dê uma olhada que frio gostoso lá fora.
Mas tudo o que é bom acaba. Na segunda cedo o circo começa a ser desmontado.
Mas Shoji, o japonês federal, e Solange ficam. Eles agora são belisarienses.
Temos muitos projetos bons para uma vida agradável em Belisário. Não consigo entender porque você também não vem pra Beli.

domingo, 1 de maio de 2016

CHEGOU AQUI LEVAMOS PRA SERRA

Mas antes disso um giro por Belisário. Beto e Héber querem rever os pontos que dizem respeito à infância de ambos. 
A ponte e o rio, nos fundos da casa de Vó Maria, guarda aventuras nos banhos e pescarias além da apreciação das cheias.
E o café caprichado era tomado lá na casa Tia Mariinha (João Braga)
Nenen é sempre bom fotografar.
Vamos passar pela parte nova do distrito. As casas velhas  vão dando lugar aos "predinhos".
Verdura se pega na fonte produtora.
Pegamos sacos de mexerica aqui e ainda estão os pés carregados, perdendo no chão.
Do novo loteamento sai na minha rua, que tem obras pra todo lado.
Tem até haras no final da rua. Os animais já estão sendo preparados para a cavalgada dia 16 próximo.
Alguns de vocês têm histórias nessa cachoeira no final da Rua S. Vicente.
Bem diferente em relação à época em que você morava aqui, né?
O tour incluía uma ida ao "banheiro". Elas já estão voltando de lá.
Quando essa água era limpa você também gostava de uns mergulhos aqui.
Tinha uma moça bonita colocando essas roupas no varal. Muito vaidosa, não deixou fotografá-la sem maquiagem.
Gosto dessa cena de roupas. ao vento.
Beto não abre mão de uma ida à serra, sempre que vem aqui.
Primeiro na Pousada Xapuri
Olha que chique essa bromélia.
Estivemos aqui semana passada para acompanhar a filmagem de A LUTA.
Todos os espaços são muito bonitos.
O monjolo funciona, embora a água esteja desligada temporariamente.
Romântico casal. Dina tem aquele olhar singelo cantado por Chico " como se fosse a única".
Vá vendo! E você ainda cantando com Chico por ai:

"Quero cheirar fumaça de óleo diesel
Me embriagar até que alguém me esqueça."
Uma pedra com plantas dentro da cozinha.
Uma típica cozinha mineira. 
Ali bem pertinho vamos ver outra beleza.
Isso é digno de Hollywood 
O compadre Tuti, dono dessa maravilha não vai nem ficar sabendo que catei esses abacates, a não ser que Luizmar e Sheila vejam no blog e contem.
Fechando o dia, encontramos o primo Marcus Campos lá em casa. Uma dúzia de prosa com Beto, que foi seu amigo de infância em Muriaé, na década de 60.
E lá se vai mais um dia...

Cante com o mineiríssimo  Clube da Esquina.
Porque se chamavam homens 
Também se chamavam sonhos 
E sonhos não envelhecem 
Em meio a tantos gases lacrimogênios 
Ficam calmos, calmos 
Calmos, calmos, calmos... 
E lá se vai mais um dia... 
E basta contar compasso 
E basta contar consigo 
Que a chama não tem pavio 
De tudo se faz canção 
E o coração na curva 
De um rio, rio, rio, rio, rio 
E lá se vai... 
Mais um dia... 
E o rio de asfalto e gente 
Entorna pelas ladeiras 
Entope o meio-fio 
Esquina mais de um milhão 
Quero ver então a gente, gente 
Gente, gente, gente, gente, gente 
E lá se vai