Notícias regionais

Loading...

domingo, 30 de agosto de 2015

VEM AÍ O II CATABELI

No dia 15 de novembro de 2014 aconteceu o primeiro. Essa turma partiu de CATAGUASES com destino a BELISÁRIO, para realizarem o I CATABELI.
E aqui chegaram, depois de pedalarem cerca de 80 km, na maioria do percurso  através de estradas de terra.
Hospedaram-se no GAB, onde Eva os recebeu com o seu tempero caprichado.
E com o carinho de D. Nina Campos.
Depois disso alguns deles retornaram na Noite Sertaneja e agora, no ITAJURU BIKE FEST. Viraram, realmente, amigos de Belisário. 

Cerca de 50 ciclistas chegarão aqui no próximo domingo, dia 6 de setembro, para a realização do II CATABELI. Pernoitarão no GAB e retornarão pedalando na segunda, dia 7 de setembro.

Fizeram até uma camisa especialmente para o evento. Veja abaixo:

Isso é muito legal. Achamos que a principal vocação de Belisário é receber turmas de bike e de moto, para passeios de contemplação de nossas riquezas naturais, além da nossa tradicional CAVALGADA DE BELISÁRIO.

Sejam bem-vindos, galera ! 

MAIS OKTOBEERLISARIOFEST

O Oktobeerlisariofest  acontecerá dia 31 de outubro, das 17h às 22h, no Grupo de Artesãos de Belisário. Serão 500 litros de cervejas - tipos Weiss, Stout e Pale Ale - feitas em Belisário para 150 pessoas. Os ingressos custam R$ 50,00 a unidade. Eles darão direito a um caneco personalizado de acrílico de 300ml, e a beber cada um das três cervejas, repetindo a que mais gostou.

Ainda estamos escolhendo os tira-gostos que mais harmonizam com estas cervejas e também tenham a ver com a região de Belisário.


A compra de insumo para a fabricação de 400 litros de cerveja é cara. Por este motivo, os ingressos foram praticamente todos vendidos. Por motivos óbvios fizemos a entrega do ingresso número 1 para D. Nina Campos (foto abaixo).

Matéria de Renato Sigiliano

sábado, 29 de agosto de 2015

SÁBADO DE FUTEBOL EMBELISARIO

O projeto de futebol da Secretaria de Esportes da Prefeitura faz um trabalho sistemático com a garotada miúda, todos os sábados, pela manhã. Eventualmente trazem times de fora para jogar contra os maiores, como aconteceu nesse sábado.
Até o renomado craque Davi Luiz veio com o time do Bairro São Pedro, de Muriaé.
Quando cheguei, ainda no início da partida, Belisário vencia por 3 X 1. Eles logo fizeram o segundo.
Mas Samuel ampliou. Beli 4 X 2.
Somente uma observação. Essas árvores estão bonitas e prestando um belo serviço de sombra e proteção às bolas, para não caírem no mato. Mas com essas ervas daninhas, podem vir a morrer.
Acabou o primeiro tempo. Novamente Davi Luiz com o Professor Fabiano.
E alguns craques de Beli.
E a turma de Muriaé, que me chamou a atenção pela disciplina. Mesmo perdendo de muito, jogavam sem reclamações e brigas. Garotada boa.
Agora o time completo. Vai começar o segundo tempo.
Uma multidão lotava as arquibancadas e cabines de honra.
As pessoas se acotovelavam para garantir um espaço. Até Amarildo Cebola estava lá.
A família de Samuca veio em peso para apoiá-lo. Até o Totó.
Perdi a conta, mas acho que ficou 8 X 2. O que importa? Todo mundo feliz, se confraternizando. 
A Secretaria ofereceu um lanche para todos.
Parabéns Professor Fabiano! Isso tudo é fundamental para a formação do caráter dessa galera
O investimento patrimonial por parte da prefeitura é mensurável, reconhecido e muito importante para o nosso distrito. Mas esses investimento pela Secretaria de Esportes, em vários projeto, não são mensuráveis, mas são de um valor fantástico. Eu apoio integralmente. Beleza Vandim!

UMA NOITE MEMORÁVEL

Muriaé tem sido contemplada, ultimamente, com programas de bons níveis culturais. Ontem, sexta, descemos a serra de Belisário na direção do SESC.
O público estava atrasado. Salão ainda vazio.
Mas o primos Renato e Marileia iriam chegar antes e reservar nossos lugares. Fernandinho e Elise nos recepcionam. Eles estão participando da organização.
A prefeitura, através da FUNDARTE, está apoiando o evento,
Da mesma forma o SESC, que cede o espaço. Essa entidade, ligada ao comércio, tem um belíssimo papel em todo o país, inclusive em Muriaé, atuando no turismo, através das diversas sedes campestres, que funcionam como pousadas, na cultura, promovendo shows do mais alto nível, sempre sem cobrança de ingressos, na educação, com ótimos projetos de apoio a crianças carentes e filhos de comerciários. É um exemplo de instituição eficaz.
O que viemos assistir recebe o incentivo de leis estadual e federal de apoio à cultura. Depois a gente fala. Fique calmo!
Exemplo de profissionalismo empresarial. O diretor presidente do Grupo Beerlisário prestigiando a concorrência.
A TV ATIVIDADE presente.
Essas meninas são do CDL-Muriaé.
A prefeitura representada pelo Secretário de Desenvolvimento Econômico, a poderosa assessora do prefeito e o amigo Renato, da Assessoria de Comunicação.
Eu gosto de ficar observando os detalhes que rolam pelo entorno de um evento. Observem esse garoto. Ele é Mateus, de apenas 7 anos. Veio com a família curtir o evento, também por que gosta muito de inglês, segundo a mãe, e quis ver o astro da noite, que é norte-americano.

Mas já é um empreendedor. Enquanto o evento não começa, corria pelas mesas para juntar latinhas. Gostaria de trazê-lo em Beli, para ensinar nossa moçada, que me parece, detesta dinheiro.
Alexandre anuncia a primeira parte da programação
Agora sim, vamos falar um pouco do evento. Ele é promovido pelo VIJAZZ. Vamos saber uma pouco desse projeto:

O Vijazz foi criado em 2007, na cidade de Viçosa-MG, com a proposta da promoção, de forma especial, do que há de melhor da música contemporânea, suprindo uma demanda da região por música instrumental e jazz de reconhecidos músicos do cenário mineiro, nacional e internacional.

O Vijazz possui como diferencial a multiplicidade de espaços, ou seja, apresentações em teatros e ao ar livre, o público formado por todas as classes sociais.

Em suas seis edições, já atingiu mais de 30 mil pessoas, entre moradores da Zona da Mata e o multifacetado universo dos estudantes da Universidade Federal de Viçosa, turistas, artistas e formadores de opinião de outras cidades e capitais. Hoje, o ViJazz & Blues Festival já faz parte do calendário oficial de eventos das cidades de Viçosa, de Ponte Nova e da rota dos melhores festivais do gênero no Brasil.
http://www.fundartemuriae.com.br/noticias/noticia.php?id=445

Pois Muriaé foi incluído no circuito. Alexandre anuncia a Banda JAZZINTAPE. O nome está ligado à cidade de Itaperuna, mas tem músico cuja raiz musical é Muriaé, como ele mesmo anunciou. 
Ótima apresentação.
Estou longe de conhecer o jazz, mas gosto do calor do instrumental. Aprendi que não se trata de um estilo musical, mas de uma forma diferenciada de se tocar um estilo, que pode ser uma salsa, um baião... Vou pedir ao Professor Dr. Rodolfo Valverde, da Faculdade de Música da UFJF, para me explicar melhor isso. 
O público já aumentou.
Com Alexandre na mesa, o seu irmão Cláudio, Teresa e Luciene.
E olha quem chega na nossa mesa. A amiga Gilca. Para os de longe, ela é diretora da FUNDARTE, o que equivale ao cargo de Secretária Municipal de Cultura, de Muriaé.
Bonito casal. André e Wiviani. Eles estão confirmando presença no Oktobeerlisariofest- I Festival da Cerveja Artesanal de Belisário. Ele é designer gráfico e músico.
Wellington é repórter da TV ATIVIDADE. Vocês já conhecem. De vez em quando cobre matérias em Beli.
Alexandre anuncia a segunda parte da noite. BONEY FIELDS (EUA)
A banda faz estremecer a cobertura do ginásio.
E o artista entra em cena.
Essa foto peguei na internet.
O cara agora faz tudo tremer no ginásio. Faz boa parte do público vir para junto do palco, para entrar no seu embalo.
Veja agora o Mateus, aquele garotinho empreendedor. Tá aí dançando com  BONEY FIELDS.
Todo mundo lá na frente. Ninguém fica parado.
Olha quem mais estava lá! A jornalista Andréa Handrews, que faz pautas na TV ATIVIDADE.
E se estamos falando de programa de elevado padrão, não podemos deixar de fazer referência à cantora Poliana, ao lado do marido, Dr. Rangel, delegado da Polícia Civil. Ela...
... com o músico Edmilson Elpes, e outros,  compõem a maravilhosa banda OURO DE MINAS.
E é hora de por as rodas na estrada.
Reforçando o nosso ganho com a colocação de placas de sinalização: a entrada para Belisário, agora sinalizada logo à frente. Pode parecer vergonha, mas por duas vezes, viajando à noite, passei direto da entrada.
Um programa como esse de jazz, assim como pênalti, não se perde.